Prêmio Operário: Edição

Southland (“Code 4” – por Miklos Wright)

Talvez a montagem mais conhecida de séries seja a condução de histórias paralelas, porém, nesse episódio, Miklos leva tudo para um novo nível ao se concentrar em cortes limpos para as imagens mais sujas, com excessão do início e fim do episódio, aonde uma cena se repete, porém uma vindo do nada (começo do episódio) e a outra vindo de uma sucessão de tensão. Southland talvez seja a série policial mais tecnicamente perfeita da atualidade. Segunda vez que vence essa categoria.

Outros Indicados:

Game of Thrones (“Baelor”)
Game of Thrones (“You Win or You Die”)
Mad Men (“The Suitcase”)
Community (“Advanced Dungeon & Dragons”)
Justified (“Brother’s Keep”)

Vencedores Anteriores: 2009 – Southland (“Westside”), 2010 – Breaking Bad (“One Minute”).

Anúncios

Publicado em julho 19, 2011, em Pessoal, Prêmio Operário, Séries, Tops e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: